Reputação e direito à informação: a comunicação da mineradora Samarco no caso do acidente ambiental em Mariana/ Reputation and right to information: the communication of Samarco mining company in the case of Mariana environmental disaster

Mariana Carareto, Roseane Andrelo, Raquel Cabral

Resumen


O presente artigo tem como objetivo analisar se a intenção de uma organização, ao informar suas ações durante uma crise, é um mero trabalho para sua imagem e reputação ou é uma forma de garantir o direito à informação para a sociedade. Para isso, assume-se que a informação é um elemento fundamental para todos os cidadãos e quando qualquer situação de risco traz consequências e impactos para a sociedade, o direito à informação deve ser garantido. Considerando esse preceito, o estudo traz uma reflexão sobre a forma como a mineradora Samarco se comunicou com a população brasileira, no ambiente digital, após o acidente ocorrido em 2015 com a ruptura das barragens de rejeitos no município de Mariana (Minas Gerais, Brasil). Assim, foi realizada uma análise dos conteúdos disponibilizados no site institucional da empresa e pontuados alguns aspectos sobre as estratégias de reputação e a importância do direito à informação durante uma crise com consequências para a sociedade.


Texto completo: VER PDF

Refbacks

  • No hay Refbacks actualmente.


Creative Commons License
Este trabajo está licenciado bajo la licencia Creative Commons Attribution 3.0 .

Revista incluida en Emerging Source Citation Index (ESCI - Thomson Reuters), ERIH PLUS, Catálogo Latindex, Dulcinea, e-Revistas, DICE, RESH, CIRC, ISOC, Dialnet, ULRICH, EBSCO, DOAJ, REBIUN, MIAR

ISSN: 2174-3681

Prefijo DOI: 10.5783

Miembro de CrossRef